Início Diabetes O Brasil possui cerca de 40 milhões de pré-diabéticos. Você pode fazer...
saiba sobre diabetes
saiba sobre diabetes

O Brasil possui cerca de 40 milhões de pré-diabéticos. Você pode fazer parte deles sem nem ao menos saber.

87101

A crença comum das pessoas de que não deve se dar importância para a pré-diabetes por conta do seu nome, não é válida. Você que está lendo este texto pode ter pré-diabetes e não saber disso. Saiba sobre diabetes.

 Pesquisas realizadas há mais de uma década apontam que a mortalidade cardiovascular dos pré-diabéticos é superior à da população em geral.  No Brasil existem cerca de 40 milhões de pré-diabéticos e 25% deles se tornarão diabéticos em 5 anos.

O ilustre Dr. Drauzio Varella discorre a cerca do tema no vídeo a seguir:

É de extrema importância ficar atento a sua saúde em geral. Ter hábitos alimentares saudáveis, consumir produtos naturais e praticar atividades físicas regularmente podem prevenir a pré-diabetes assim como a diabetes.

Para descobrir se você é um pré-diabético dê uma olhada na imagem abaixo:

imagem-desktop-pre-diabetes

Segundo a American Diabetes Association, o risco de progressão para diabetes aumenta significativamente para quem possui valores de glicemia de jejum entre 100 e 125 mg/dL ou de glicemia medida duas horas após a ingestão de 75 gramas de glicose anidra entre 140 e 199 mg/dL. Pessoas que possuem hemoglobina glicada entre 5,7 e 6,4% também possuem risco de desenvolverem a doença.

Entre os sintomas mais comuns podemos destacar os seguintes:

  • aumento da sede;
  • fatiga e cansaços excessivos;
  • falta de energia;
  • aumento no volume e na frequência urinária;
  • visão borrada e turva.

Apesar de ser possível aparecer algum desses sintomas, a pré-diabetes é uma doença silenciosa. Portanto, na maioria das vezes ela pode não apresentar nenhum sintoma.

Por conta disso, é essencial que façamos sempre exames preventivos, a fim de identificar possíveis alterações nos níveis de substâncias presentes em nosso sangue. Com algumas pequenas amostras, é possível diagnosticar a pré-diabetes precocemente e trabalhar para reverter esse quadro tão sério e prejudicial para o organismo.

folhas-separação folhas-separação folhas-separação
folhas-separação saiba sobre diabetes folhas-separação saiba sobre diabetes folhas-separação saiba sobre diabetes

Como ocorre a progressão da pré-diabetes para diabetes?

A pré-diabetes apresenta duas questões fundamentais: estar ligada a outros fatores de risco para doenças cardiovasculares e o fato de ser um período que pode acarretar na diabetes propriamente dita — transição que pode ocorrer em poucos anos.

Se nada for feito, até 33% dos pacientes diagnosticados com pré-diabetes desenvolverão a doença no período de 3 a 5 anos. Entre aqueles que se encontram dentro dos fatores de risco, a taxa é ainda mais alta.

Portanto, nem todos os indivíduos diagnosticados com pré-diabetes obrigatoriamente progredirão para diabetes, mas todos os portadores de diabetes tipo 2 passaram pelo estágio de pré-diabetes.

Dessa forma, caso você possua a diabetes tipo 2 você obrigatoriamente passou pelo estágio de pré-diabetes e poderia ter evitado se tivesse conhecimento prévio a respeito do assunto.

Na fase de pré-diabetes, ocorrem alterações metabólicas que predispõem a doença, entretanto ainda é possível revertê-las. É importante ficar atento aos fatores determinantes do risco de evolução, como o excesso de peso, predisposição genética e sedentarismo.

Assim, a prevenção deve ser feita o quanto antes, já que o risco de progressão da doença é alto e não há como saber, antecipadamente, se vai ou não progredir. O melhor é sempre focar nos cuidados com a saúde para evitar problemas futuros.

Portanto, é de suma importância ficar ligado sempre em você e no seu corpo. Afinal de contas, quem ganha mais com a sua saúde é você, não é mesmo? Saiba sobre diabetes.

Paulo-Santos
Sobre o Autor

Eu me chamo Paulo Santos, tenho 24 anos e sou formado em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie de São Paulo.
Sempre fui apaixonado pela leitura e pela escrita. Justamente por isso escolhi fazer Direito.
Faço parte de uma família de médicos (pais, tios e primos), então o mundo da saúde sempre fez parte da minha vida desde pequeno, e sempre gostei muito de escrever sobre o assunto.
Será um prazer te manter informado sobre o meu mundo!

Recomendados Para Você:

Comentar com Facebook

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here