Início Saúde 5 alimentos para combater a Dor

5 alimentos para combater a Dor

13081

É muito importante ter o conhecimento de alimentos para combater a dor.

E no caso das dores musculares, elas são comuns em atletas e pessoas com uma idade mais avançada.

Conforme citado em um estudo desenvolvido pelo Centro Multidisciplinar de Dor do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP):

“O tratamento do paciente com dor crônica musculoesquelética não deve ser apenas centrado na supressão da dor por meios farmacológicos, mas também dentro de uma visão interdisciplinar, devem-se aplicar conhecimentos nutricionais dirigidos no controle das instabilidades neuroendócrinas e nutricionais”.

Um dos nutrientes que se deve buscar durante a alimentação para aliviar as dores é o ômega 3.

1. Salmão para combater a dor

salmão um dos alimentos para combater a dor em uma frigideira

Conforme dito, um nutriente importante para o combate natural da dor através da alimentação é o ômega 3.

O salmão é um alimento muito rico nesse nutriente.

O ômega 3 atua como um anti-inflamatório e dessa forma, ao diminuir as inflamações, diminui as dores.

Um dos mecanismos de combate à inflamação do ômega 3 é por sua capacidade de eliminar o DMIR (dor muscular de início retardado).

Além disso, o salmão ajuda a reduzir o risco de lesões por repetição.

Ele evita a degradação do tecido e a inflamação, aumentando o fluxo de sangue e oxigênio para os músculos, melhorando a amplitude de movimento e aliviando as dores nas articulações.

2. Limão

limões cortados um dos alimentos para combater a dor

O limão é uma fruta rica em Vitamina C e um dos alimentos para combater a dor.

Essa vitamina auxilia na reparação e proteção de tendões e ligamentos.

Além de ser um antioxidante natural, a vitamina C representa um papel crucial no combate da dor de forma natural.

Um estudo científico realizado em duas universidades americanas mostrou evidências muito consistentes do benefício da suplementação vitamínica no quadro da dor tardia.

O trabalho demonstrou que a suplementação de 1g de vitamina C e 400 unidades de vitamina E ingeridas diariamente por duas semanas atenuaram significativamente o quadro da dor tardia decorrente de corridas em declive, comparando um grupo que ingeriu a suplementação com um grupo controle.

O estudo mostrou que a dor muscular era atenuada significativamente nos músculos quadríceps (anterior da coxa) ísquio-tibiais (posteriores da coxa), glúteos e panturrilha.

Havia também redução importante de enzimas marcadoras de trauma muscular (CK) e aumento da capacidade antioxidante decorrente da suplementação vitamínica.

3. Cenoura para combater a dor

cenoura um dos alimentos para combater a dor em um fundo branco

A cenoura é rica em antioxidantes e, por isso, é benéfica para reduzir as dores em geral.

Isso acontece porque diminui a produção de substâncias inflamatórias no corpo, as chamadas prostaglandinas. Outros benefícios da cenoura são a melhora da pele e da visão.

Além disso, a cenoura é rica em potássio.

Um mineral bastante relacionado com as contrações musculares.

O que consequentemente implica em possuir uma atuação a respeito das dores musculares.

4. Alho

cabeças de alho um dos alimentos para combater a dor

O Alho é um alimento cheio de qualidades para a saúde.

Inclusive o alho é considerado um antibiótico natural.

Além disso, esse alimento melhora o fluxo sanguíneo, diminuindo assim o inchaço.

Semelhantemente com os outros alimentos, o alho é um alimento com forte potencial anti-inflamatório.

Assim ele pode ser utilizado para prevenir ou reduzir dores.

folhas-separação folhas-separação folhas-separação
folhas-separação folhas-separação folhas-separação

5. Cebola Roxa para combater dores

cebola roxa cortada um dos alimentos para combater a dor

Os benefícios da Cebola Roxa para a saúde são diversos.

Sendo esse um dos alimentos para combater a dor.

Isso acontece, pois, esse alimento possui uma grande quantidade de nutrientes que são essenciais para a saúde geral do corpo.

Além disso ela possui propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas que aliviam dores musculares.

Inclusive, ela possui uma atuação analgésica o que ajuda no processo de alívio das dores.

Mas então, gostou do artigo? Antes de ler você já sabia que é possível aliviar a dor através da alimentação? Comenta aqui embaixo a resposta 😊.

Paulo-Santos
Sobre o Autor

Eu me chamo Paulo Santos, tenho 24 anos e sou formado em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie de São Paulo.
Sempre fui apaixonado pela leitura e pela escrita. Justamente por isso escolhi fazer Direito.
Faço parte de uma família de médicos (pais, tios e primos), então o mundo da saúde sempre fez parte da minha vida desde pequeno, e sempre gostei muito de escrever sobre o assunto.
Será um prazer te manter informado sobre o meu mundo!

Recomendados Para Você:

Comentar com Facebook